18/08/10

PABLO NERUDA


Tu eras também uma pequena folha
(Pablo Neruda)

Tu eras também uma pequena folha
que tremia no meu peito.
O vento da vida pôs-te ali.
A princípio não te vi: não soube
que ias comigo,
até que as tuas raízes
atravessaram o meu peito,
se uniram aos fios do meu sangue,
falaram pela minha boca,
floresceram comigo.
HOJE, estou a festejar as 23.000 visitas que já tive neste blog, desde o dia 4 de Abril de 2008, há 2 anos e 4 meses.
Por isso, ofereço a todos os que me visitam e aos 62 SEGUIDORES que este blog tem, uma foto minha juntamente com um poema tão belo de PABLO NERUDA.
Obrigado a todos pela vossa presença.

20 comentários:

Maria disse...

Pablo Neruda é sempre bem vindo...
Obrigada e parabéns, Tulipa.

Um beijo.

Luís Coelho disse...

Parabéns é uma palavra simples mas gostosa nestas datas.

Pablo Neruda é um poeta que se relê sempre com profundo respeito.

Eärwen Tulcakelumë disse...

Nós na realidade é que recebemos o presente, Neruda é fantátisco.

Pérolas incandescentes de flores e luz.

Eärwen

Zé Povinho disse...

Uma bela fotografia em boa companhia, Neruda, é um bonito cartão de visita para continuar a vir aqui. Parabéns.
Abraço do Zé

Rosa dos Ventos disse...

Bela foto e não menos belo poema!
Parabéns

Abraço

looking4good disse...

Parabéns! Continuarei por cá para receber mais sugestões e críticas sobre cinema, partilhar das fotografias e entre o mais apreciar as reportagens sobre as viagens... Uma boa semana repleta de sorrisos, flores (tulipas... é claro!) e poesia.

Pelos caminhos da vida. disse...

Meus parabéns, uma excelente escolha Pablo Neruda.

Espero te ver mais vezes Pelos Caminhos da VIda.

Boa noite.

beijooo.

Andradarte disse...

Parabéns e tem mais um seguidor
Beijo

Eduardo Aleixo disse...

Obrigado pelos parabéns que deixaste no À Beira de Água.
Parabens também para ti e teu blog.
Um abraço

MaFaR disse...

Muito parabéns!

Bjs

Fa

Lídia Borges disse...

Felicito-a e realço o gosto na escolha do poema. Pablo Neruda não consegue desligar-se da doçura que caracteriza a sua poesia. Então este poema é de uma sensibilidade tocante.

Parabéns!

Um beijo

legalmente loira... disse...

lindo++++++
bjos.

poetaeusou . . . disse...

*
grato fico,
e um mar de parabens deixo,
,
conchinhas,
,
*

gaivota disse...

parabéns, minha amiga!
lindo poema de neruda... um chileno fantástico!
beijinhos

. intemporal . disse...

.

. querida Túlipa,,, .

. os meus sinceros parabéns pelas 23.000 visitas atingidas neste Seu blogue .

. o poema de Pablo Neruda guardo.O no coração .

. a fotografia levo.A para a.qui: .

http://gratissimo.blogspot.com

. em Sua homenagem .

.

. receba um beijinho muito grande do Seu visitante, comentador e essencial.mente amigo,,, .

.

. paulo .

.

AFRICA EM POESIA disse...

NERUDA é Neruda
Obrigada pelo poema.
beijos

Crystal disse...

Maravilhosas as escolhas . Parabéns :-)

BRANCAMAR disse...

Olá Tulipa,

tenho andado em mudança de casa e não tenho feito muitas visitas estas últimas semanas, mas não esqueci o teu gesto e passei por cá na altura e vi que tinhas um poema de um dos meus poetas prferidos. lindíssimo este, comevedor.

Amanhã volto para colher a tua florinha e se puder ainda amanhã colocarei no slide que tenho lá no fundo do lado direito, onde ainda me faltam colocar mais duas ofertas. Agora que estou um pouco mais disponível vou tentar pôr a escrita em dia.
Beijinhos.
Branca

Turmalina disse...

Obrigada por compartilhar não só as palavras de Neruda :O)

Turmalina disse...

Obrigada por compartilhar não só as palavras de Neruda :O)