26/01/09

EXPOSIÇÃO DE FOTOGRAFIA

A Índia inspira qualquer pessoa.
Coincidências ou não, está patente ao público uma exposição de 30 fotos sobre Goa, no Museu da Electricidade, em Lisboa.
Dentro de uma semana ficará aberta ao público a minha 1ª exposição individual de fotografia, também com 30 imagens e também sobre a Índia.
"Jesus Never Fails" reúne uma série de 30 imagens tiradas em Goa. Já anteriormente apresentada no ano passado, esta versão da série, agora apresentada, inclui novas imagens e conta com a edição de um catálogo. Não podemos esperar de "Jesus Never Fails", "a Goa das recordações pós-coloniais", aqui "Goa" passa a "designação abstracta e universal", nas palavras do curador João Pinharanda.

A exposição de "Jesus Never Fails", com trinta fotografias de António Júlio Duarte que mostram Goa invadida pela natureza e pela construção humana.

No ano passado foi apresentada uma primeira versão desta série no Centro Cultural de Lagos, com o apoio da Fundação Oriente, e a exposição que hoje inaugura, pelas 19:00, na Sala do Cinzeiro 8, conta com novas imagens e catálogo próprio.
João Pinharanda, crítico de arte e responsável pela programação do espaço, explica, num texto sobre a exposição, que o fotógrafo António Júlio Duarte adoptou como lema "Jesus never fails", como uma "certeza irónica".
António Júlio Duarte "expõe em toda a sua crueza tudo aquilo que falhou: regista poses animais que se copiam para nada, encontra seres humanos que coincidem com formas vegetais como se lhes faltasse também ânimo, estabelece pares de volumes que se repetem sem estabelecerem equilíbrios e harmonias", descreve.
Destaca ainda que o mais importante neste trabalho fotográfico "é obrigar-nos a olhar para imagens em que não reconhecemos a tranquila ilustração do já conhecido".
"Esta não é a Goa das recordações pós-coloniais; não identificamos nem a bela tristeza dos que ficam, olhando-nos como referente, nem a bela decadência daquilo que se deixou ao partir", mas mostram antes
"um lugar social, económica e psicologicamente devastado, que abre fendas, que é invadido pela natureza vegetal e pela construção humana, que colhe bolores e lixos, humidade e pobreza".
Com entrada livre, a exposição estará patente até 15 de Março, de terça-feira a domingo.
QUERO IR...QUERO VER...

Esta notícia faz-me sonhar: quando terei eu...um dia, oportunidade de expor num lugar como o Museu da Electricidade...? Quicá...

17 comentários:

Paula Raposo disse...

Um dia também exporás aí. Beijinhos e tudo de bom.

A Flôr disse...

Eu acredito que um dia irás expor não só no Museu da Electricidade, mas também em muitos outros... Quiça!!!
Tens muito jeito! Eu arranjaria tempo na minha sobecarregada agenda para ir visitar a tua exposição, ai isso é que ia! :-)

Já passei pelo cantinho da Tânia... espero que as coisas estejam a estabilizar... ela irá vencer! Diz-me uma coisa, a operação que ela fêz já foi o transplante?

Acontecem coisas/situações na vida que nós não entendemos.. que nos questionamos o PORQUÊ! Agora vemos como o inigma de um espelho.. confuso, um dia saberemos o porquê... porque há coisas que nos são vedadas nesta vida.... O Homem não tem resposta a tantas questões...

Minha querida, imagino o teu sofrimento, o sofrimento do Cláudia e dos pais da Tânia.. que esta hora seja de união entre toda a família, que todas as chatices fiquem esquecidas e que possam dar as mãos para alegria da Tânia...

Ela é uma garota especial e irá vencer mais esta batalha... vai dando, por favor, noticias.... HÁ QUE TER ESPERANÇA!

Xi-coração do tamanho do Universo da Flor

Ana disse...

Parabéns, amiga, pela tua primeira exposição individual de fotografias. Que seja a primeira de muitas, sempre com o sucesso que mereces, e que , em breve, possas expor no Museu de Electricidade, ou onde mais desejares.
Um beijo grande.

Gi disse...

Tenho que lá ir, como descendente de goeses que sou.

Espero também poder ver as tuas fotografias.

gaivota disse...

e no museu da electricidade será muito interessante ver a tua exposição! fico a aguardar...
tens um prémio/desafio lá no meu cantinho...
aparece!
beijinhos
e a tânia, como vai? beijinhos grandes e boas melhoras

Daniel Aladiah disse...

Querida Tulipa
Nada é impossível, tudo depende de muito esforço e alguma sorte.
Um beijo
Daniel

Mário Margaride disse...

Querida amiga,

Um dia estarás igualmente neste evento sensacional, podes ter a certeza!

Beijinhos

Mário

Angel of Light disse...

Querida Tulipa!

Gostei do novo visual do teu blog. Há já algum tempo que não passeava pelo teu jardim... Está lindo... iluminado... cheio de pureza.

Nunca deixes de acreditar naquilo que acreditas. Um dia chegará a tua vez... certamente!

Cubro-te de luzinhas de cor rosa, a cor do Amor...

Beijinhos de Amor e Luz!

Je Vois la Vie en Vert disse...

Um dia também virá para ti !

Querida Tulipa,

tenho pensando muitas vezes na Tânia. Como posso ter notícias dela ?

Beijinhos verdinhos

OUTONO disse...

Um dia chegará...

Obrigado pela partilha!

Beijinho.

Mário Margaride disse...

Querida amiga

Antes de ir fazer óó, passei por este teu cantinho, para te dar um beijinho de boi noite, e desejar-te um excelente fim de semana!

Mário

Zé Povinho disse...

Um passo de cada vez e pode-se lá chegar. Fiquei contente por ver tanta alegria, é bom estar empolgado com um projecto.
Bom fim de semana
Abraço do Zé

rosa dourada/ondina azul disse...

Um dia, também serás tu a expôr, disso não tenho dúvida :)


Beijinhos,

looking4good disse...

Que bom! Successo para a tua exposição fotográfica... No entanto, o importante acredita já está conseguido. É a nossa própria auto-crítica e satisfação pessoal... Um bom fim de semana :)

Baby disse...

Já tinha pensado ou pelo menos desejado intensamente, apanhar o Alfa e ir visitar a tua
1ªexposição de fotografia, mas com este tempo horrível não apetece nada viajar,assim vou esperar para ir depois ao Museu da Electicidade! Tenho a certeza que será muito em breve. Tu mereces.
Estou muito feliz por ti.
Bom Domingo.

poemar-te disse...

Parabens pelos teus espaços. Hei-de voltar. Tudo de bom.

bettips disse...

Muitos Parabéns, mereces que o esforço e as fotos são "enormes" de humanidade.
Felicidades para ti e boa sorte para tua sobrinha.
Abçs